Clínica Endovascular especializada em
Embolização de mioma, embolização de fígado,
aneurisma cerebral e angioplastia da Aorta abdominal.
Os procedimentos Endovasculares são realizados em ambiente hospitalar com equipamantos de última geração.

Aneurismas de Aorta e Aneurisma cerebral

Os aneurismas são dilatações arteriais que podem ocorrer em qualquer lugar do corpo humano. O grande risco dos aneurismas é o de ruptura, ou seja, quando arrebentam.

Quando isso ocorre o risco de vida é eminente. Podem ocorrer na aorta, no cérebro, nas pernas, no fígado e em qualquer região do organismo. As cirurgias convencionais para a correção de aneurismas costumam ser muito agressivas, implicando em grandes cicatrizes, muitos dias de internação e as complicações não são raras.

A Radiologia Intervencionista é capaz de tratar dos aneurismas de forma simples e segura, seja através da colocação de stents (como se fosse canudos cobertos), seja através de colocação de molas (que entopem os aneurismas).

Embolização do Aneurisma Cerebral

Sintomas de aneurisma cerebral

A maioria dos aneurismas cerebrais não produz nenhum sintoma até que fiquem grandes e comecem a vazar sangue ou rompem-se.

Um aneurisma cerebral que rompe causa derrame, o qual pode incluir como sintomas dor de cabeça forte e súbita, náuseas, vômito, pescoço duro, fraqueza repentina em uma área do corpo, dificuldade repentina de falar e até perda de consciência, coma ou morte.

O grau de periculosidade do aneurisma cerebral depende do seu tamanho e localização no cérebro, se ocorreu vazamento ou ruptura, e ainda a idade e saúde geral da pessoa.

Aneurismas de Aorta

Os aneurismas se originam por uma alteração da musculatura da parede da aorta, que é a principal artéria do nosso corpo e leva sangue do coração para todo o organismo. As causas dessa alteração não são completamente conhecidas, mas envolve o tabagismo, a obesidade, o alto colesterol, a hipertensão arterial, a diabetes e doenças do colágeno.

O tratamento dos aneurismas é realizado para evitar sua principal complicação que é a ruptura. Nesses casos 50% dos doentes vai a óbito imediatamente e dos que chegam a ser operados 90% morre.

Aneurisma de Aorta Abdominal

Sintomas de Aneurisma de Aorta Abdominal

O aneurisma da Aorta Abdominal, normalmente, não causa nenhum tipo de sintoma. Caso a pessoa seja mais magra é possível sentir que existe alguma pulsação fora do comum ao colocar a mão sobre o abdômen.

Um médico especialista pode detectar essa pulsação com mais facilidade se houver muita gordura e pode não detectar o aneurisma, neste caso o médico irá solicitar alguns exames.

O primeiro sintoma de um aneurisma da aorta pode ser a morte súbita por ruptura. Por isso a necessidade dos exames de rotina.

Existem duas possibilidades de tratamento.

Uma é o tratamento cirúrgico e a segunda é o tratamento intervencionista.

A cirurgia de aneurisma é realizada através de uma grande incisão no abdômen com o isolamento das alças intestinais, já que a aorta fica próxima à coluna. Com a aorta nas mãos o cirurgião faz uma ponte entre os trechos saudáveis da aorta, “pulando” a região acometida pelo aneurisma. O pós-operatório é difícil sendo necessários muitos dias de UTI e muito tempo de afastamento das atividades. Existem ainda potenciais riscos de complicações e óbito.

Através da Radiologia Intervencionista é feita uma pequena incisão na virilha por onde é passada uma prótese que, por dentro da artéria doente, recobre e isola o aneurisma impossibilitando sua ruptura. O pós-operatório é mais tranquilo muitas vezes não necessitando de permanência em UTI e o tempo de internação hospitalar costuma ser curto.

Se você ainda está com dúvidas envie um e-mail para o Dr. Elkis.

Sua mensagem

Nome

E-mail

Telefone fixo

Celular

Motivo do seu contato

 Aneurisma Câncer Hipertensão Arterial Infertilidade Masculina Mioma Uterino Quimioembolização Hepática Varizes das Pernas Outros
captcha